HILDA HILST – Estar Sendo, Ter sido.

16/06/2018

…………………………………………………………………………………………………………………………………………………
“Desde a idade de seis anos, eu tinha a mania de desenhar a forma dos objetos.

Por volta dos cinquenta, havia publicado uma infinidade de desenhos,
mas tudo o que produzi antes dos sessenta não deve ser levado em conta.

Aos setenta e três, compreendi mais ou menos a estrutura da verdadeira natureza,
as plantas, as árvores, os pássaros, os peixes e os insetos.
Em consequência,
aos oitenta, terei feito ainda mais progresso;

aos noventa, penetrarei o mistérios das coisas;
aos cem, terei decididamente chegado a um grau de maravilha,

e quando eu tiver cento e dez anos,
para mim, seja um ponto, seja uma linha, tudo será vivo” .

KATUSHIKA HAKUSAI (1760-1949). Epígrafe de ‘Estar Sendo,Ter Sido’, de Hilda Hilst.

Que viveu, então, 89 anos, perto de penetrar o mistério das coisas.


……………………………………………………………………………………………………………………………………………………….

links

Xilogravura japonesa [Ukiyo-e] erótica [shunga]: Katsuhika Hokusai – JORNAL DO PORÃO