Mas o prédio novo e pomposo do laboratório da Física está afundando

23/04/2010

A UNICAMP QUE AFUNDA NAS MÃOS DAS EMPRESAS TERCEIRIZADAS.

Você não acredita nisso. Mas o prédio novo e pomposo do laboratório do Instituto de Física está afundando. Vá lá ver ou olhe as fotos aqui. Como podem ver nas fotos, vão fazer nove pilotes para tentar sustentar o prédio. Chegamos, com as empresas terceirizadas, à arquitetura das “palafitas”.

Parece incrível o Instituto de Física expunha restos de laboratório, confessadamente contaminados, a céu aberto. É de uma banalidade inenarrável escrever aqui que poderia contaminar qualquer incauto ou que não soubesse ler. Expunha, pois este blog serve para alguma coisa, pois um dia após estas fotos eles retiraram os restos contaminados. Ou foi uma coincidência. Não podem nem negar ignorância, pois estava escrito nas caixas, mais ou menos visível, os perigos.

Bom seria se acontecesse o mesmo com o alojamento das trabalhadoras terceirizadas, do outro lado da rua, no Instituto de Química. Alojamento até, surpreendentemente, bem aparentado. Só que do lado de um laboratório e de um, acreditem, olhem na foto, do lado inflamáveis. E do lado dos inflamáveis ficam alojamento, banheiro e refeitório, dos operários das empresas terceirizadas que tentam impedir que o prédio do laboratório da Física afunde. Será de mau gosto escrever aqui que o refeitório destes operários, um muquifo, fica contíguo, separado por tábuas, a um banheiro. Seria de mau tom, de gosto duvidoso, coisa de ex-peão, escrever aqui que eles comem perto da bosta. E que é o que, por certo, tem na cabeça dos nossos dirigentes que permitem isso!

Perguntas que o Jornal do Porão sabe que ficarão sem respostas. Quem é responsável por tais descalabros? Quem foi responsabilizado até hoje? Quem pagará os prejuísos?

Ou perguntas mais simplesinhas que também ficarão sem respostas. Mesmo porque vivemos num ambiente acadêmico sui generis, onde quase ninguém faz perguntas e menos gente ainda tem respostas. E a biblioteca do Instituto de Biologia tantos anos parada? Ou e o prédio das Geociências que parece que já comemora alguma boda? E o aranzel que é o prédio dos núcleos do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas?

Os professores do IFCH escreveram ao Reitor, constatando que o “IFCH agoniza”, que “está em estado de emergência”. Um dia vão descobrir que na Unicamp as empresas terceirizadas, além de super-explorar a mão-de-obra, levam dinheiro DO público, o chamado impropriamente de dinheiro público, para instaurar a má qualidade, o desperdício, o desmazelo e o desmantelo do patrimônio público. E ainda tem um montão de burocratas, ricamente pagos, para gestar este descalabro.

Este Blog espera reações indignadas dos leitores.
Acompanhe a luta contra as empresas terceirizadas que danam e dominam a Unicamp, neste blog, no jornal e blog do CACH, ou nas páginas dos materiais de LER-QI, que faz uma campanha nacional, principalmente na USP, contra as terceirizações e precarização do trabalho.

Aqui um album de fotos da entrega da Carta contra as terceirizações para a Diretoria do IFCH, cobrando que se pronuciem, já que o IFCH é um dos grandes atingidos pelos contratos feitos pela reitoria que lesam o interesse do IFCH, como disse certa vez o vice-diretor.