Caravaggio (III), de Gilles Lambert » Caravaggio, de Gilles Lambert, Taschen ( 10a)

O instantâneo e as emoções vem para a tela. É uma revolução nas artes. Antecipou a fotografia instantânea por 300 anos. “Não resta qualquer dúvida que o rapaz, com os ombros nus e um flor na orelha provém do meio das prostitutas de Roma”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s