Obras de arte proibidas à esquerda e à direita: Gustave Courbet

” O seu derradeiro dono foi o psicanalista Jacques Lacan, que o tinha no seu escritório, também escondido por um quadro do seu cunhado Jacques Masson. A tela de Masson estava colocada num painel deslizante, que revelava a pilosa vagina”. (2)

………………………………………………………………………………………..

Foto: mostra jeanbaptistemondino-5
fotografia sobre o quadro L’ Origine du monde de G. Courbet…..
“seu último proprietário fora Jacques Lacan, o célebre psicanalista. ele possuía uma casa de campo em Guitrancourt, adornada com uma coleção importante de obras de arte. a origem do Mundo, porém, estava lá, mas não era mostrada. Lacan conservava a tela numa edícula separada do edifício principal. a imagem vinha recoberta por outra, pintada por andré Masson, que a dissimulava. O psicanalista reservava a surpresa apenas para certos amigos que vinham visitá-lo. James Lord, em companhia de dora Maar, presenciou uma dessas cerimônias. sua descrição é reveladora: postura grave (“l’atmosphère était tout sauf joyeuse”); conversas em voz baixa e repetição da liturgia (“près le déjeuner, on nous escorta vers un petit bâtiment séparé de la maison, où se trouvait l’atelier de lacan. dora me souffla : ‘il va nous montrer son Courbet’” 3); palavras sacramentais”, Jorge Coli (1)

Este texto me intriga faz pelo menos um ano. Devido meu interesse cotidiano pela psicanálise, por Freud, não deixo de refletir sobre isso. Também acompanhei, pelos jornais, entrevistas e textos de vários psicanalistas com posições libertárias, como Hélio Pelegrino e Maria Rita Kehl, a última confessadamente Lacaniana. [Vou tomar coragem e, aqui, tentarei resenhar seu maravilhoso livro:”O Tempo e o Cão”, que trata depressão como objeto da psicanálise. Hoje a depressão que cresce assustadoramente no mundo, esta nas mãos de psiquiatras e da indústria farmacêutica. Adiantando a propaganda da editora Boitempo: Obra vencedora do prêmio Jabuti de Melhor Livro do Ano de Não Ficção em 2010.] O que me intriga então é que Lacan continuo a censura contra o quadro de Coubert. Qual sua motivação e em nome de que? A cesura carrega consigo sempre grandes e nobres palavras. E o que significa todo este ritual narrado pelo texto de Jorge Coli? Ou para um marquês de Lacan os prazeres devem ser privados e aristocráticos? Ou depois de mais de130 anos banalizou e virou uma obra ginecológica? Se substituíssemos o homem de terno da foto com o quadro por um homem de jaleco de médico entraríamos para o terreno do horror, da doença. Isso significa a palavra ginecológico. Assim se comparta toda espécie de moralismo. Parafraseando Nietzsche sobre os religiosos, a qualquer contato com eles dá vontade de lavar as mãos. Este quadro tem uma história de 130 anos de censura. Mas me deixou desolado saber que seu último censor, talvez cheio de proteção e cuidado, foi um grande psicanalista. Os textos de Freud, Lacan eu não li ainda, são cheios de coragem e espirito desbravador. E não só como médico, mas como pensador da cultura. Ou será que textos ainda são toleráveis, mas as imagens até hoje ainda não. Vi no Google que este quadro sofreu censura nas redes sociais. Há mesmo no google um foto com uma imensa tarja preta. Mas fico me perguntando o tempo todo, será que Freud, Marx e Nietzsche também não foram expulsos das universidades pela totalitarismo científico? ……………………………………………………………………………………………. (1) Exposição, ocultação, contemplação: o olhar e o sexo feminino, por Jorge Coli (2) Quase 130 anos (3) D’AROUCHE, Journal (4) Courbet’s “L’origine du monde”: The Origin without an Original (5) MICROARGUMENTOS

2 Responses to Obras de arte proibidas à esquerda e à direita: Gustave Courbet

  1. […] blog que o quadro de Gustave Coubert, A Origem do Universo,  foi censurado por 128 anos. Pior. Lacan o escondeu por décadas e fazia uma espécie de cerimônia para mostrá-lo.  Apenas porque, realisticamente, pintou uma xoxota, quando há pintos em profusão pelos quadros, […]

  2. […] Obras de arte proibidas à esquerda e à direita: Gustave Courbet 07. Então com vocês as 2 playboys da mulher mais famosa que já passo pelo revista Claudia Chana […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: